$AÚDE DE PERUÍBE – Profissionais da $aúde, em Peruíbe, não recebem $alários há quase dois meses.

ATRASO NO PAGAMENTO DOS FUNCIONÁRIOS DA SAÚDE

A mudança de uma empresa para outra, que antes era a MRF e sua equipe de médicos, aí mudaram para Carvalho, mais muitos milhões de reais vieram como verba para pagar a essa outra empresa, mesmo continuando com os mesmos médicos, agora mudaram para OSEP, que foram mais vinte e quatro milhões e seiscentos mil reais que se disponibilizou para essa outra empresa para deixar muitos médicos e quase toda equipe de enfermagem sem receber há quase 60 dias, pois desde o dia 05 de Maio de 2012 que ninguém dos médicos e enfermeiros recebem um centavo sequer para o sustento próprio e de sua família.

Profissionais trabalham desmotivados pois estão com as contas todas atrasadas, aluguel, água e luz, isso sem contar que se necessitarem de um médico, esquece, não tem médicos e paga-se vinte e quatro milhões e seiscentos mil reais para uma empresa de médicos sucaatear, ainda mais, a saúde, quase todo o orçamento da Saúde está comprometido em pagamentos para os médicos, como explica se eles estão há quase sessenta dias sem receber um centavo sequer?

PERGUNTA:

Quais médicos estão recebendo e quais os que não estão recebendo?

Segundo a secretaria de Saúde de Peruíbe nos informou, através de um de seus representantes, que o pagamento está atrasado devido que houve a transição de uma empresa para outra, e há indícios que a outra empresa que estava “prestando’ serviços ao Pronto Socorro, está com problemas na Justiça devido a isso a prefeitura não pode repassar o dinheiro para ela, em contra partida os funcionários da equipe de enfermagem que não tem nada a ver com isso, são os que mais ficam prejudicados pois estão há quase dois meses que não recebem, trabalham sem horário de almoço por falta de mão-de-obra os que vão trabalhar têm que se desdobrar para poderem dar conta do recado e sempre trabalhando em condições mais que precárias, a demora no pagamento acontece por uma dificuldade da antiga empresa receber da prefeitura, mas que será efetuado em breve, isso o Secretário da saúde está dizendo desde que essa nova empresa entrou.

Profissionais convocados recentemente para trabalhar no Pronto socorro, em Peruíbe, já reclamam de salários atrasados. Eles afirmam que estão há dois meses em algumas unidades, mas não receberam por isso. Em vários pontos da cidade, moradores reclamam que não encontram atendimento médico.

Segundo nos informaram o Secretário da Saúde disse que, a demora do pagamento acontece por esta dificuldade, pois houve a transição das empresas, mas que a secretaria de Saúde já está reunida com a secretaria de Administração da nova empresa e os pagamentos devem ser feitos em um curto espaço de tempo. Só não disse quando, deixando os profissionais apreensivos e sem saber o que fazer para sustentar as famílias.

As precárias condições do Pronto Socorro em Peruíbe e o grito de socorro da maioria dos peruibenses estão estampados e escancarados nesta cidade. Filas intermináveis, estrutura péssima e o caos na saúde Peruíbe. Trabalhadores sentem o peso dos impostos e sustentam o sistema de saúde, mas quando precisam de socorro não encontram. Assim Peruíbe coleciona histórias de sofrimento, mortes precoces, seqüelas e traumas irreparáveis.

Não é de hoje que o Pronto Socorro de Peruíbe enfrenta problemas o BOCA já falou, publicou, brigou, protestou e de nada adiantou, em alguns pontos foi resolvido, mas em contrapartida na maioria deles está cada vez piorando mais.

A SAÚDE PÚBLICA está um caos. Ao contrário que diz a propaganda oficial, os médicos e enfermeiros que atendem na rede pública estão desmotivados, pois recebem uma merreca a título de remuneração. O ápice da crise na saúde em Peruíbe: O Pronto socorro está na UTI.

O descontrole administrativo e funcional na Secretaria Municipal da Saúde atinge nível sem precedentes. Para piorar a situação dramática até mesmo em relação à gravidade da precariedade no atendimento a administração manipula informações ou não tem controle da situação.

Tem crescido na população a sensação de insegurança pela falta de transparência no trato das informações e a própria mídia é cobrada por diversos segmentos solicitando checagem dos bastidores.
É mais um retrato do caos que deixa a sociedade em pânico e com receio de ir ao Pronto Socorro.

Cabide de emprego, médicos fantasmas, filas intermináveis para simples consulta e inexistência de medicamentos essenciais à população vai caracterizando um desastre: ineficiência e incompetência para tratar os serviços públicos de saúde na administração Bargieri.

Lastimável que três anos e cinco meses de mandato e setores essenciais de atendimento à população ficam relegados a bastidores ou desconectados da realidade.

As críticas e desconfianças contra o governo municipal se alastram além da oposição e investigações que apuram múltiplas denúncias.

Os ataques ficam cada vez mais sérios e graves e ao invés de ampliar a transparência a administração está encurralada e tenta manipular informações que seriam essenciais com propagandas enganosas apenas para enganar o povo.

A falta de divulgação das mortes que ocorrem em grande escala no Pronto Socorro de Peruíbe sacramenta o caos na área da Saúde que há mais de um ano não sai das manchetes com denúncias de má gestão.

Só a administração finge que não vê e escuta o que está acontecendo, seguramente porque não tem o que falar sobre tantos problemas.

Essa administração NÃO VÊ NADA, NÃO OUVE NADA E NÃO FALA NADA.

Maior Cabide está na Secretaria da Saúde.

O povo que se lasque, falta medicamentos, consultas somente depois de três e quatro tentativas e médicos muitas vezes fantasmas. É assim nos postos de saúde. Mas não falta dinheiro ou gente. Pelo contrário. A farra do empreguismo é sem precedentes em todos os setores públicos com muito mais ênfase na Secretaria Municipal da Saúde, onde estão sendo colocados os filhos de vereadores, as noras, as amigas, os amigos para ocupar cargos em comissão, e agora o concurso público daqueles apadrinhados.

O povo está sem atendimento mínimo, a gestão é ineficiente e a caixa preta do desmando na saúde será aberta pelo Ministério Público. Improbidade e prevaricação são dois crimes que devem ser apontados pela investigação da máfia de branco, em que vários profissionais são acusados de não cumprir o horário de atendimento na rede pública.

Fiscalização nos postos de saúde já comprovou o desvio no atendimento. A Prefeitura protege alguns médicos com redução da jornada e ao invés de medidas coerentes e decentes para responsabilizar quem comete desvios, valida o espírito de corporativismo e desdenha da ética e compromissos públicos enquanto que outros médicos são sobrecarregados de trabalho, tendo que cumprir jornadas de trabalho muito além da capacidade física do profissional, assim acontece com a equipe de enfermagem, também, que está sobrecarregada, sem ao menos ter horário dígno de almoço.

Ora, é decepcionante. O discurso da administração Pública desmente as práticas. Os interesses de grupos se sobrepõem às necessidades coletivas.

O povo que se lasque. Está com dor? Tome uma Dipirona. Está doente? Tome uma Benzetacil. Teoricamente para a saúde pública o atendimento é essa lástima.

Filas de meses para uma simples consulta, faltam medicamentos básicos, o povo não tem onde se socorrer e agoniza pelas ruas enquanto a administração Bargieri ao invés de cumprir sua obrigação e promessas de palanques mentirosos vai mais além na negligência: arrumou uma forma de proteger os médicos fantasmas, premiar a sacanagem e contratar empresas com contratos milionários para maior produtividade no atendimento.

A VERGONHA NA SAÚDE PÚBLICA EM PERUÍBE – ESTÁ MAIS QUE SUCATEADA.

Estão faltando :

COPOS DESCARTÁVEIS

FITA DE DESTRO (MEDIR O GRAU DO DIABETES)

MEDICAÇÃO EM GERAL

AS CAMAS E AS MACAS ESTÃO TODAS ENFERRUJADAS E NÃO TEM MANUTENÇÃO.

MÁSCARAS EM FALTA

O QUE ESTÁ QUEBRADO NO PRONTO SOCORRO.

A MÁQUINA DA LAVANDERIA (HÁ MESES QUEBRADA)

LABORATÓRIO INTERNO

APARELHO DE RAIO X (O BOCA lutou para que esse aparelho fosse instalado, até que em fim instalaram o tal aparelho depois de um ano de luta do BOCA e agora está quebrado, novamente estão utilizando o da cidade ce Itariri, que vergonha).

MÁQUINA DE ESTERILIZAR TODA A INSTRUMENTAÇÃO (ESTÁ QUEBRADA E INOPERANTE).

COM TUDO ISSO E MAIS AQUILO QUE NÃO FICAMOS SABENDO, MAS QUE ACONTECE DE ERRADO NO PRONTO SOCORRO EM PERUÍBE, AINDA ASSIM VEJA:

O PRONTO SOCORRO DE PERUÍBE RECEBE TÍTULO COMO SENDO O SEGUNDO MELHOR DE TODA BAIXADA SANTISTA ENQUANTO A POPULAÇÃO VIVE DESPREZADA E HUMILHADA E SEM ATENDIMENTO NOS CORREDORES DO PS.

Não fossem as ORGANIZAÇÕES DE SAÚDE (OSs) as Empresas da Saúde, a Saúde estaria bem, essas empresas que a prefeita contrata são o CÂNCER DA SAÚDE, teríamos médicos concursados e não indicados pela prefeita, teríamos enfermeiros com vontade de trabalhar realmente, esse dias um amigo do BOCA teve um mal estar e foi ao Pronto Socorro de Peruíbe, chegando lá ele viu cenas de horror, tais como mulheres tendo que ser submetidas a usar a comadre em cima da cama diante de homens no repouso, pois ficam tudo junto, um verdadeiro desrespeito e constrangimento, não havendo cama para ele se deitar para ser aplicado soro tendo que se virar em pé mesmo, ele viu uma pessoa sendo atendida, bem próximo a ele, quando uma estagiária de enfermagem estava aprendendo a coletar sangue de um paciente que não sabe o que a estagiaria fez que perfurou o paciente fazendo jorrar muito sangue no ambiente, ele, o nosso amigo, ao ver tamanha cena de irresponsabilidade do Hospital saiu em desabalada carreira, dizendo que se tivesse que morrer que preferia morrer na casa dele.

A cidade continua envolvida em disputa de grupos e de interesses, num salve-se quem puder e se puder e a caixa preta dos desmandos continua fechada, com cada um tomando conta, somente de seus esquemas.

Mas o povo não pode ficar a mercê de sucessivos escândalos pois a saúde está uma lástima, as ruas esburacadas, a cidade com os mesmos problemas de segurança, educação e saúde precárias.

Boa parte dos médicos não estava cumprindo suas obrigações, retrato da administração e, pior, do guardião de tudo, com centenas de processos, ações cíveis e criminais e uma impugnação nas costas.

Como ficam os contribuintes que dependem da Saúde de Peruíbe, muitas vezes têm que ir à Hospitais fora da cidade para serem atendidos, correndo o risco enorme de ser acidentado na estrada, a exemplo de um acidente com vítimas fatais que ocorreu o ano passado na Rodovia Padre Manoel da Nóbrega?

Como pode um serviço tão essencial estar nessa calamidade?

Simples, se você tem fila de meses para uma consulta médica, demora de mais de ano para cirurgia, imagina como o cidadão é tratado quando o atendimento público é burocrático.

O brasileiro está tão abandonado e ignorado pelos agentes e serviços públicos que nem mesmo se aqui o sistema fosse anarquista haveria tanto desprezo pelos direitos constitucionais e outros tantos legais.

Peruíbe não merece essa esculhambação. É decepcionante. Em mais de três anos e meio de administração e eleição agora em 2012, esperamos que resolva alguma coisa se é que resolve alguma coisa. Por isso povo dia 07 de Outubro de 2012, será a nossa INDEPENDÊNCIA, OU MORTE.

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

4 respostas a $AÚDE DE PERUÍBE – Profissionais da $aúde, em Peruíbe, não recebem $alários há quase dois meses.

  1. Pietro disse:

    Ola Boca,mas pra que se preocupar???Vamos ter MUNDIAL DE FUTEBOL E OLIMPIADAS,PAO E CIRCO.MAS NO CASO DE PERUIBE SO VAI FICAR O CIRCO POIS A VERBA PRO PAO COM CERTEZA SERA DESVIADA.

    • Triste e lamentável, Pietro, o povo fazer parte deste picadeiro.

      O pior de tudo que ela se acha no direito de se candidatar a uma possível reeleição, será que ela não vê que o povo está insatisfeito com a administração dela?

      Exceto os 1500 trabalhadores em comissão, amigos, parentes e por aí vai.

      Talvez ela seja forçada a se candidatar novamente para continuar com as mesmices, com o pesadelo, com o descaso e desrespeito com o povo.

      FAMÍLIA BARGIERI NUNCA MAIS, MAS NUNCA MAIS MESMO.

      Caso em alguma eleição futura não tiver ninguém para ser candidato, então votaremos na Chica chiclete, no Zoinho, no Zezinho Merda, ou em outro qualquer, mas na familia Bargeiri essa não, essa não merece mais nosso voto, chega de sofrer, chega de pesadelo.

  2. Érica disse:

    Olá Claudete, como você pode ver continuamos sem receber nada da empresa Carvalho e muito menos da Prefeitura em relação a área da Saúde há não ser promessas e mais promessas de pagamento. É uma grande falta de atenção e respeito com as pessoas que representam a saúde de maneira direta para a população que mesmo sem ter recebido continuamos trabalhando e hoje estamos por outra empresa OSEP, mas como confiar em alguém que se reecandidata com tantas frases bonitas utilizando até mesmo a Bíblia com versículos maravilhosos sem ao menos poder conhecer verdadeiramente os dez mandamentos e praticar ao menos um(1) deles -”Amar ao teu próximo como a ti mesmo”, pois são famílias com contas vencidas, sem condições de comprar o alimento necessário de cada dia sem contar que muitos necessitam de remédios e são pais e mães de família com crianças pequenas mas que se importa não é ….. isso vai virando uma bola de neve a onde cada um passa que não pode honrar com seus compromissos por não ter recebido da prefeitura o devido pagamento dos seus serviços prestados, e vira a lei do dominó – onde todos vão cada vez mais conhecendo o verdadeiro respeito que os atuais governantes da cidade de Peruíbe tem em relação a população …. E ai vai votar em quem desta vez ????

    • Érica, eu tenho certeza que não vou votar nessa que aí está por que vai continuar o pesadelo e muito menos na Onira, sobrou quem???

      Ontem entrei em contato com um pessoal da equipe de enfermagem e eles me confirmaram que ainda não receberam nada, mas que não podem aparecer pois sofrem retaliação, nossa que horror, além de não pagar aos funcionários ainda fazem retaliação se reclamarem? Não dá para acreditar.

      HIPÓCRITAS!!! DÉSPOTAS!!! É o que eles são ela chora lágrimas de crocodilo, não acredito em uma lágrima que ela derrama, é o falso choro o choro ensaiado, o choro artístico, teatral, isso não passa de um grande circo, só faltou colocar a lona, o circo estava montado.

      Érica eu coloquei no BOCA DE RUA que a enfermagem não recebe a dois meses, e de nada adiantou então é por que ela não tem mesmo respeito por ninguém, exceto ela mesma e o pai dela.

      São vocês que carregam esse PS de maneira brilhante e heróica, senão fossem vocês, é claro que tem as exceções e que graças a Deus são bem poucas que não merece estar sendo valorizada, mas a grande maioria da Equipe tem que ter diginidade e respeito, para poderem desempenhar um bom trabalho, ainda que esteja faltando tudo nesse PS, desde copos descartáveis até máscaras, ainda assim vocês dão o sangue, literalmente, para poder fazer com que esse PS funcione pelo menos minimamente mais ou menos, por que esse lugar está mais que sucateado, em péssimas condições de uso.

      O que o BOCA DE RUA poderia fazer mais para ajudar vocês? Seria o caso de ligar para todas as emissoras de TV, chamar a TV Tribuna, a Record, enfim….

      Ninguém pode trabalhar em regime de escravidão e vocês estão trabalhando assim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>