Pesquisa do IPAT está igual aquela que Peruíbe ganhou segundo lugar em, a melhor Saúde da Baixada Santista, Lembra???

Há alguns meses, neste ano, soltaram essa  pesquisa aqui ó:

É evidente que essa pesquisa é enganosa, ela dá duplo sentido, pois quem vivencia a Saúde em Peruíbe, sabe que essa pesquisa é fantasiosa, e esse Instituto (IDSUS)  que avalia a Saúde nos Hospitais do SUS ele avalia por atendimento quanto mais o médico atender pacientes, não importando a maneira que ele atende, se bem ou mal, o que importa para esse Instituto avaliador é o número de atendimentos, quanto mais pacientes serem atendidos tanto melhor, a própria prefeita já disse “ATENDIMENTO POR PRODUTIVIDADE” “MAIOR PRODUTIVIDADE NO ATENDIMENTO” , isso é errado pois as pessoas não são mercadorias, assim é essa pesquisa fantasiosa vamos comparar as duas pesquisas:

Paulão comemora resultado de pesquisa e convoca: “Vamos para a luta!”

Da Redação do Blog de Washington Luis de Paula

Em entrevista dada por telefone à Redação do blogue à 5hs de hoje, o coordenador da campanha de Ana Preto, Paulo Henrique Siqueira – o Paulão – demonstrou tranquilidade e entusiasmo com o resultado da pesquisa que o Instituto de Pesquisas A Tribuna (IPAT) faz publicar na edição impressa de hoje do jornal A Tribuna.

A corrida à prefeitura de Peruíbe mostra empate técnico entre as duas primeiras candidatas: Ana Maria Preto (PTB) tem 33,6% das intenções de voto, enquanto a atual prefeita, Milena Bargieri (PSB), aparece com 30,7%.

Conforme o Instituto de Pesquisa A Tribuna (IPAT), a terceira candidata, Maria Onira Contel (PT) está com 9%¨. O levantamento apontou ainda que 14,1% dos pesquisados estão indecisos.

Contando com um exército de 150 candidatos a vereadores distribuídos em 16 frentes partidárias, Paulão entende que “a publicação do resultado desta pesquisa só vai fazer com a gente se encha de um novo gás, e vamos botar nossa campanha na rua ainda hoje”, adverte. Para ele, que tem larga experiência em campanhas políticas, o clima do “já ganhou é sempre prejudicial porque faz com que as pessoas se acomodem, e nós estamos numa campanha política, numa disputa em que ninguém ganhou nada ainda”. Para ele, independente do resultado desta ou daquela pesquisa, “campanha política se ganha com o resultado do último voto apurado das urnas. Até lá, a ordem é trabalhar, amassar lama”, diz, determinado.

Indagado sobre os recursos para os candidatos e seus cabos eleitorais fazerem campanha, o coordenador de Ana Preto diz que já foram e estão sendo distribuídos material de campanha: “Já colocamos nas mãos dos candidatos 1.500.000 santinhos estes dias e já estamos direcionando alguma ajuda para combustível, por exemplo, para os nossos candidatos”. A dificuldade de alocação de recursos, segundo ele, é justamente a de que não havia campanha na rua de ninguém ainda. “A publicação de A Tribuna antecipa o processo. Graças a Deus. Vamos pra rua!”, comemora Paulão.

Paulão: “Aqui não tem clima de ‘já ganhou’. Vamos trabalhar, e trabalhar muito para ganhar a eleição!”

CASOS DE DADOS MANIPULADOS E FANTASIOSOS

Outro caso de dados manipulados, quando o senhor Joaquim da Rocha Brites, fez aquela mega doação de aparelhos para equipar o novo Hospital que ela chamou de AME mas que todos sabem não ser  um AME e sim AMÉM (AMBULATÓRIO MÉDICO DE ESPECIALIDADES MUNICIPAL) a imprensa do Governo mentiu descaradamente que quem fez as doações foi o Governo do Estado e não o Senhor Joaquim da Rocha Brites, várias vezes o BOCA DE RUA teve que entrar em contato com a TV Tribuna, Jornal a Tribuna, Tv Record para desmentir a imprensa mentirosa do governo e corrigir a matéria que havia sido veiculada de maneira errada, que naquela época era o jornalista, sem compromisso algum com a cidade, o senhor Vernizi mentiu todas as vezes para essas imprensas que vieram fazer a cobertura da reportagem de inauguração do AMÉM e várias vezes posteriores quando a imprensa veio pois havíamos chamados, a imprensa do governo ia dar entrevista e mentia com relação à doação de toda aparelhagem do AMÉM.

A imprensa do governo sempre fez questão de faltar com a verdade para com os outros  órgãos de imprensa, que coisa feia!

Um dia chamamos a Record para registrar o descaso do atendimento no AMÉM, estávamos lá o BOCA DE RUA e as pessoas que estavam se sentindo lesadas pela administração, quando a imprensa do governo chegou, tratou logo de tirar o repórter de perto de nós, quando a Claudete Andreotti percebeu que o jornalista da imprensa do governo, “Vernizi”, ia dizer a ela que quem havia doado os aparelhos era o Governo do Estado, a Claudete se aproximou do repórter da TV Record e do jornalista do Governo (Vernizi) ela nunca foi tão humilhada por uma pessoa igual foi pelo senhor Vernizi, que a olhou de cima abaixo e disse assim:

-Eu conheço você?

Pelo que a Claudete respondeu:

Talvez não! Mas, eu também não conheço o senhor.

O Senhor Vernizi, lhe disse em tom áspero:

Então saia daqui que eu quero falar com o repórter.

Pelo que a Claudete não obedeceu as ordens do senhor Jornalista, pemanecendo no local.

O Senhor Vernizi pegou no braço do repórter e disse:

Se ela não sai daqui de perto de nós, vamos sair nós daqui de perto dela.

E sairam de perto da Claudete, indo conversar no ponto de ônibus em frente ao AMÉM bem longe dela.

Quando a matéria foi ao ar, o senhor Vernizi havia dito a famosa mentira que quem havia doado os aparelhos ao AMÉM teria sido o Governo do Estado.

Novamente a Claudete teve que entrar em contato com a TV Record para que fosse corrigida a matéria e colocado o verdadeiro nome do doador dos aparelhos.

Assim é essa pesquisa que foi baseada em fatos fantasiosos, idéias mirabolantes.

OUTRO CASO DE FATOS NÃO VERDADEIROS

Veja a data de quando essa Diretora da Vigilância Sanitária entrou:

No dia 10 de Abril de 2012 o antigo Diretor foi afastado do Cargo de Diretor da Vigilância Sanitária, pois muito bem, passaram os meses de Maio, Junho e Julho e nada de ter sido publicado no BOLETIM OFICIAL DO MUNICÍPIO (BOM) a exoneração do Diretor da Vigilância Sanitária.

Partimos do seguinte pressuposto, se o afastamento dele não foi oficializado, presume-se que ele estivesse recebendo dos cofres públicos, ou seja, teria recebido o Mês de Abril, Maio, Junho e Julho de 2012, neste ínterim o BOCA DE RUA verificava todos os BOLETINS DO MUNICÍPIO pra ver se havia saido oficializada a exoneração do antigo diretor da Vigilãncia Sanitária e nada, agora, para nossa surpresa, neste último BOLETIM  que passou a veicular no dia 20 de julho de 2012 eis que vimos publicada a EXONERAÇÃO DO DIRETOR DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA e PASMEM: COM DATA RETROATIVA, veja:

AS PERGUNTAS QUE NÃO QUEREM CALAR:

NOSSA, SERÁ QUE ACHARAM NA LATA DO LIXO A EXONERAÇÃO DELE E SÓ AGORA PERCEBERAM QUE PRECISAVA PUBLICAR?

POR QUE A EXONERAÇÃO DO DIRETOR DA VIGILÃNCIA SANITÁRIA  NÃO SAIU PUBLICADA NO BOM DO DIA 10/04/2012 COMO SAIU A NOMEAÇÃO DA NOVA DIRETORA?

POR QUE SOMENTE AGORA QUE A EXONERAÇÃO DO DIRETOR DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA FOI PUBLICADA NO DIA 20/07/2012 COM DATA RETROATIVA?

Será que o CERTO é ERRADO e o ERRADO é CERTO???

Veja a data que a nova Diretora assumiu, 02/04/2012, veja a data que o ex diretor da Vigilância Sanitária, supostamente, se afastou, e veja a data que foi publicada essa exoneração.

Por isso povo vendo esses dados que podem ser manipulados, não podemos dar credibilidade a essas pesquisas.

Nas Eleições de 2008, um candidato a vereador que apontava como sendo o favorito nas pesquisas, não teve mais que 200 votos reais, perdendo feio a eleição, quando esse candidato ficava sabendo que ia haver essa tal pesquisa ele mandava as pessoas que estavam apoiando, ou então ele pagava 50 reais para as pessoas irem  até lá e dizerem que votariam nele, assim funcionam essas pesquisas.

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

ELEJA, NÃO REELEJA.

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

5 respostas a Pesquisa do IPAT está igual aquela que Peruíbe ganhou segundo lugar em, a melhor Saúde da Baixada Santista, Lembra???

  1. RICARDO disse:

    ESCANDALO NA SAÚDE EM PERUIBE
    EMPRESA DE SAÚDE, CONTRATADA PELA PREFEITURA DE PERUÍBE TENTA IMPEDIR JUDICIALMENTE QUE A POPULAÇÃO DE SAIBA A VERDADE, MAS TEM LIMINAR NEGADA.
    Veja abaixo cópia da decisão:

    Segundo informações foram descobertas irregularidades na empresa que administrar a saúde hoje em Peruíbe, supostamente a empresa estaria envolvida em esquemas de fraudes não só aqui na cidade mais em outros municípios.
    Esquemas esses descobertos em investigações jornalísticas da REDE GLOBO, o repórter do programa FANTÁSTICO, Roberto Faustino, esteve semanas atrás na cidade gravando uma reportagem. O que gerou uma serie de comentários.
    A informação é que essa reportagem entrará em pautas ainda no mês de setembro.
    Ontem fomos procurados por pessoas ligada a Secretária saúde que nos entregaram, farta documentação onde encontramos vários indícios de irregularidades, já enviamos essa documentação para a Rede Globo e ao Ministério Público. Esta semana ainda estaremos entrando com uma AÇÃO CIVIL PUBLICA para que seja responsabilizados os culpados e ressarcidos o danos causados ao município.

  2. RICARDO disse:

    matéria para colocar no boca to levando um impresso

    ESCANDALO NA SAÚDE EM PERUIBE
    EMPRESA DE SAÚDE, CONTRATADA PELA PREFEITURA DE PERUÍBE TENTA IMPEDIR JUDICIALMENTE QUE A POPULAÇÃO DE SAIBA A VERDADE, MAS TEM LIMINAR NEGADA.
    Veja abaixo cópia da decisão:

    Segundo informações foram descobertas irregularidades na empresa que administrar a saúde hoje em Peruíbe, supostamente a empresa estaria envolvida em esquemas de fraudes não só aqui na cidade mais em outros municípios.
    Esquemas esses descobertos em investigações jornalísticas da REDE GLOBO, o repórter do programa FANTÁSTICO, Roberto Faustino, esteve semanas atrás na cidade gravando uma reportagem. O que gerou uma serie de comentários.
    A informação é que essa reportagem entrará em pautas ainda no mês de setembro.
    Ontem fomos procurados por pessoas ligada a Secretária saúde que nos entregaram, farta documentação onde encontramos vários indícios de irregularidades, já enviamos essa documentação para a Rede Globo e ao Ministério Público. Esta semana ainda estaremos entrando com uma AÇÃO CIVIL PUBLICA para que seja responsabilizados os culpados e ressarcidos o danos causados ao município.

  3. M M disse:

    É diante de tudo isso que não dá para entender o resultado da pesquisa realizada pelo IPAT divulgada no Jornal A Tribuna, onde a atual prefeita e a candidata Ana Preto aparecem praticamente empatadas.

    Será que o povo já acostumou tanto a sofrer que está até gostando? Ou acha que dá tudo na mesma?
    Infelizmente a frase “cada povo tem o governo que merece”torna-se cada vez mais verdadeira, pois enquanto vemos algumas pessoas como vocês denunciando e exercendo a cidadania, vemos também a maioria acomodada e quando têm a chance de tentar mudar as coisas se vendem por um pouco de asfalto…
    Que foi só isso que esta administração soube oferecer e muito mal por sinal!
    Responder

  4. Ornella disse:

    Concordo com o Boca de Rua: pesquisas são compradas para dar a ilusão ao eleitor de que o candidato X tem chances. Também concordo que há pessoas que são pagas para responder a estas pesquisas. Caso contrário, como poderia uma candidata que nem mora em Peruíbe estar em primeiro lugar na pesquisa? Só aqui mesmo.

  5. M M disse:

    Nem todas as pesquisas são manipuladas, há pesquisas sérias que visam saber a real opinião do eleitor.
    O que chama a atenção aqui em nossa cidade é a maneira como os eleitores continuam escolhendo seus candidatos, já verificamos nas eleições passadas que a maioria dos vereadores reeleitos nada haviam feito pelo povo, somente por interesse próprio e mesmo assim permaneceram haja visto a reeleição do vereador “da faxineira” entre outros.

    Então não dá para se duvidar da idoneidade da pesquisa e sim da escolha do povo que se deixa levar sem procurar conhecer direito seu candidato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>