VERGONHA!!!! Por oito votos a favor e um contra será aprovado o Projeto de Lei 24/2012, para voltar a Cobrança de Iluminação Pública (CIP).

Vergonha, Vergonha, Vergonha !!!!

Oito vereadores, que são eles:

André de Paula,
Vereador do Caraguava,
Vereador do Vila Erminda,
Oliveira
França,
Zé do Pio,
Cezar Kabbach e
Marcelo Bolinho.

Mais uma vez votaram contra o povo, pois votaram para que fosse novamente incluída na conta de Luz da Elektro a cobrança da Taxa de Iluminação Pública, sendo que essa Taxa, foi retirada da conta de todos os usuários, nos meses de Outubro e Novembro deste ano, por ordem do Tribunal de Justiça e a Câmara foi contra a decisão do Tribunal de Justiça e contra o povo a única que foi a favor do povo e contra a cobrança foi a vereadora MARIA ONIRA (PT).

Antes de dar início à votação deste importante Projeto de extremo interesse de toda população de Peruíbe, teve a despedida dos vereadores não reeleitos e dos reeleitos, o que achei mais engraçado nesta noite, dentre todos os discursos, de todos os vereadores onde cada um teve longos e cansativos 20 minutos para expor suas HIPOCRISIAS, o mais intrigante e engraçado foi quando o vereador França subiu à Tribuna da Câmara e desandou a falar em DEMOCRACIA.

Ele só poderia estar de brincadeira, falando inverdade aos assistentes presentes, quem é esse vereador que fala em DEMOCRACIA se ele é o primeiro a agir como um DITADOR? Num Regime DITATORIAL não existe lugar para a DEMOCRACIA, tal REGIME é antagônico à DEMOCRACIA, onde esse regime impera falar em DEMOCRACIA seria a maior HIPOCRISIA de uma pessoa.

QUEM É ESSA TAL DEMOCRACIA??? QUEM É A ÉTICA??? ALGUNS VEREADORES AINDA NÃO FORAM APRESENTADOS PARA ELAS.

A teoria é linda, mas a prática diverge das falas.

É triste ouvir inverdades proferidas por uma pessoa pública que obteve centenas de votos de confiança de um eleitorado que merece, no mínimo, respeito e consideração.

Esse PARLAMENTAR com total ABUSO DE AUTORIDADE processou o BOCA DE RUA, na pessoa da Claudete Andreotti, apenas por que ela informou ao povo uma verdade que ocorreu em 2011, quando ele e mais seis vereadores aprovaram para tirar DOIS MILHÕES DE REAIS DA SAÚDE, que hoje está tendo um reflexo muito negativo, haja vista, ter sido fechado o Pronto Socorro de Peruíbe, por falta de verba que fosse aplicada realmente na Saúde, por isso ele, de maneira DITATORIAL, processou a Claudete Andreotti, na esfera Cível, pedindo Indenização por Danos Morais, não satisfeito ingressou na esfera Criminal processando da mesma maneira, só que criminalmente, apenas e tão somente, pelo fato do BOCA DE RUA ter informado ao povo que ele havia aprovado para tirar DOIS MILHÕES DE REAIS DA SAÚDE e ainda assim foi reeleito, TOTAL ABUSO DE AUTORIDADE, praticado por ele e mais seis vereadores.

Só esperamos que esse povo que reelegeu esses vereadores que aprovaram para tirar DOIS MILHÕES DE REAIS DA SAÚDE, não precise usar os serviços do SUS, sendo assim será uma incoerência enorme ter reeleito esses EDIS que foram contra a SAÚDE PÚBLICA E O POVO.

Vale ressaltar, que o vereador França votou a favor da cobrança da taxa de Iluminação Pública, que vem cobrando dos munícipes, desde 2002 herança maldita do Senhor Gilson Carlos Bargieri que criou a Lei só para prejudicar os moradores da cidade.

Taxa de iluminação pública é inconstitucional, decide Tribunal de Justiça

Parabéns à vereadora ONIRA que foi a única vereadora que votou contra esse abuso que é cobrar taxa de iluminação pública, ela foi voto vencido, ela votou a favor do povo, disse na Tribuna da Câmara que o povo já vem sendo sacrificado com altas taxas de impostos e mais essa de voltar a cobrar essa Taxa que foi suspensa pelo Tribunal de Justiça seria ir totalmente contra a Decisão de Instância Superior e o pior contra o povo.

Veja bem povo, três dos seis vereadores que aprovaram para tirar DOIS MILHÕES DE REAIS DA SAÚDE, foram reeleitos pelo povo, o que não dá para entender o povo está sendo prejudicado por vereadores que ele próprio colocou lá para defendê-lo e ainda os reelegem? Errar uma vez é humano, persistir no erro é reeleger vereadores que, supostamente, são contra a cidade e, supostamente, só pensam em seu bem estar pessoal e o povo que se lasque, eles terão mais quatro anos para votar em projetos que vão contra o povo, igual esse da volta da cobrança da Taxa de Iluminação Pública.

Os discursos foram dos mais variados assuntos possíveis, nenhum assunto foi abordado em benefício da população, teve um vereador que disse que onde ele mora é uma favela, foi através desse povo, que o senhor vereador qualifica como sendo favelado, foi eleito em 2008 e reeleito em 2012, por esse povo que, naquele dia do protesto que o BOCA DE RUA esteve presente, o senhor chamou a tropa de choque para os moradores esses mesmos moradores que elegeu e o reelegeu, como senão bastasse chamar a polícia para os manifestantes que estavam reivindicando, na paz, um direito deles, agora o senhor os chama de favelados. Que feio Vereador, uma postura nada convencional para um PARLAMENTAR, essa postura é PARA LAMENTAR.

Censura continua ativa no Brasil, como no governo militar, só que agora está travestida e mascarada de DEMOCRACIA.

A Censura continua firme e forte, vistosa na democracia brasileira, sendo que os censores agora são os juízes do Judiciário, que se prestam ao papel.

A principal diretriz de qualquer magistrado é fazer cumprir a lei, a partir da Constituição Federal, que diz no Art. 5º:

IX – é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

Mas parece que eles estão SURDOS ou não querem ouvir, o BOCA DE RUA já falou e citou esse artigo mil vezes, mas de nada adianta.

É uma contradição à lei maior e o resultado da aplicação pelo judiciário que vem sistematicamente se fazendo por censor da imprensa (rádio, TV, sites, blogs, jornais e revistas), vetando exibição de matérias, como no caso do BOCA DE RUA, até site na web é alvo da censura judicial, a exemplo do BOCA DE RUA que teve que ficar fora do ar, por ordem judicial, por 27 horas e não foi permitido que o BOCA DE RUA informasse aos internautas quanto tempo ele ficaria fora do ar.

Ficou marcada a última votação, do Projeto de Lei 24/2012 para cobrar novamente a taxa de Iluminação Pública, para o dia 19 de Dezembro de 2012, em Sessão Extraordinária, para ninguém ir mesmo, no período da manhã às 9 horas. O BOCA DE RUA estará presente, pode apostar.

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

5 respostas a VERGONHA!!!! Por oito votos a favor e um contra será aprovado o Projeto de Lei 24/2012, para voltar a Cobrança de Iluminação Pública (CIP).

  1. Ana Luiza Atheofthen disse:

    Realmente já não era de se esperar, mais minha maior decepção dessa lista foi o voto do andré. Um vereador que sempre defendeu os direitos da população e agora votou a favor da cobrança foi no minimo estranho. De resto não me surpreendeu em nada, realmente peruibe está perdido, mais tenho uma ponta de esperança que nesse próximo mandato alguma mudança seja feita.

    • Ana Luiza, as mudanças já começaram e para pior, o vereador André de Paula, é mil por cento a favor que volte a cobrança da taxa de iluminação pública, também ficamos indignados com a atitude dele, vamos ter que falar novamente com ele, que só assumiu a suplência por que a ACIMA cassou o vereador GUEDES caso isso não tivesse acontecido ele não teria assumido o mandato de vereador e sido reeleito, ele só foi reeleito devido que durante todo seu mandato ele foi a favor do povo, agora muito nos surpreendeu também.

      Ele alega que a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) criou uma resolução que será cobrada taxa de Iluminação Pública da prefeitura, o que ele acha totalmente errado essa cobrança dessa taxa a Prefeitura que terá que pagar ele acha que terá sim que sair do bolso do contribuinte, do usuário, esse é o nosso vereador reeleito para defender os interesses do povo.

      Fico aqui pensando, Ana Luiza, em que condições esses vereadores, que sempre votaram contra o povo, foram reeleitos?

  2. Decepcionado, mas não surpreso disse:

    É o nosso presente de natal do nossos nobres edis.

    Realmente fiquei decepcionado com o voto do vereador André que sempre se mostrou favorável ao interesse do povo, mas desta vez……………….
    Cheguei a pensar em votar nele, mas de acordo como td oque a gente ve de tanta corrupção “algo nunca visto neste país” resolvi este ano não dar emprego a ninguem. Decepcionei-me com este edil.
    E o “novo” vereador tbm…………………..chegou chegando. Dando um chega pra lá no povo.

    Surpreso fiquei tbm com o voto da vereadora do PT, que tbm não se mostrou a favor do povo e dessa vez votou a favor. pq será? mas…………………………em se tratando de política nada é impossível.

    • Se eu não tivesse presente nas duas Sessões que foram votado esse projeto, talvez, demorasse para eu entender o porquê do André de Paula ter ido contra o povo e a favor da prefeitura, defendendo com unhas e dentes quem ele teria que fiscalizar, ele disse que não acha certo ter que onerar os cofres da Prefeitura, então é o cidadão mesmo, que infelizmente terá que pagar, pela burrice de ter reeleito vereadores que jamais pensará no bem estar do povo. HIPOCRISIA é a palavra certa.

  3. Anderson, a última votação para sacramentar essa cobrança será dia 19/12 às 9 h em sessão extraordinária, já para ninguém ir, mas o BOCA DE RUA irá sozinho pode ter certeza, igual quando eles aprovaram para tirar 4 milhões da Educação que foi na calada da noite em sessão extraordinária, também, só estava presente o BOCA DE RUA mais ninguém, é isso que eles querem que ninguém cobre nada deles, todos terão que deixá-los bem à vontade para decidir o que bem entendem de pior para o povo.

    Agora o que me surpreendeu foi o André de Paula, mostrando as garrinhas.

    O pupilo da nova prefeita é a favor da cobrança desse tributo, antes das eleições talvez ele fosse contra, mas agora a coisa já mudou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>