A máfia da insulina de um lado e do outro lado pessoas portadoras de diabetes sofrendo.

DECRETO-DA-PREFEITA

A nossa gestora pública, através desse Decreto, diz que serão adotadas medidas temporárias de contenção de gastos no ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO.

Parabéns prefeita, se é que podemos acreditar em mais uma pilhéria da senhora, sim por que de nada adianta adotar medidas de contenção de despesas mantendo ao seu lado os ASPONES que sequer têm portaria, e estão com todo o controle nas mãos, existem mais de 60 mil habitantes que estão reféns de uma meia dúzia de mandantes nos poderes Executivo e Legislativo.

Esses Decretos e Atos Institucionais, nos fazem reportar a esse triste e doloroso episódio:

ISSO MESMO, A DITADURA MILITAR.

O regime militar no Brasil foi instaurado em 1 de abril de 1964 e durou, aparentemente, até 15 de março de 1985.

De caráter autoritário e nacionalista, teve início com o golpe militar que derrubou o governo do presidente democraticamente eleito, João Goulart, e terminou quando José Sarney assumiu o cargo de presidente, dando início ao período conhecido como Nova República.

Tudo enganação, pois o que estamos vivendo hoje é, talvez, muito pior do que naquela época, tendo em vista hoje a DITADURA esteja bem mais acentuada do que nos anos 60, visto que, naquela época, talvez, não houvesse tanta roubalheira como está existindo hoje e o pior sob o manto DA FALSA DEMOCRACIA, onde dizem aos quatro cantos do país que o POVO É SOBERANO, gostaria de saber onde há SOBERANIA NO POVO?

Ele, “o povo marcado, povo feliz”,acredita nessa conversa mole para enganar a todos, se o povo fosse soberano mesmo assim como é fácil colocar péssimas prefeitas no poder Executivo, teria que ser fácil tirá-las também.

Esse Decreto será mais uma desculpa esfarrapada da prefeita, para quem sabe, mais uma DOTAÇÃO DE VERBA, ou então não adquirir mais remédios, tais como INSULINAS, FITAS PARA MEDIR A DOSAGEM DE GLICEMIA NO SANGUE, pessoas portadoras de DIABETES estão sofrendo desde Abril deste ano por falta de Tiras Reagentes para medir quantitativamente os níveis da glicose no sangue dos portadores dessa enfermidade.

pre-diabetes

Os portadores dessa enfermidade estão passando mal, entrando em coma devido ao produto que está em falta desde Abril, pois foi em Março, o último mês que essas pessoas adquiriram as tais fitas reagentes.

diabetes_fitas

MAIS DE TRÊS MIL FITAS DE DIABETES FORAM JOGADAS NO LIXO.

diabetes1

Será mesmo que o BOCA DE RUA é só críticas que ele faz? Se alguém estiver pensando que depois de hoje ao sentir na pele o drama de um pai que a filha dele está entrando em coma direto devido a falta dessa mercadoria que com a maior falta de respeito pelo cidadão, mais de TRÊS MIL FITAS foram descartadas na lata de lixo, isso é um CRIME SEM PRECEDENTES CONTRA A SAÚDE PÚBLICA.

ENTENDA COMO FUNCIONA ESSE SISTEMA.

ROUBO DE MEDICAMENTOS

A IMPORTÂNCIA DAS FITAS PARA AFERIR A DOSAGEM DE GLICEMIA NO SANGUE.

TESTE

A-diabetes

Alguém pode imaginar, que uma Saúde Pública como a de Peruíbe, esteja jogada às traças, às baratas, às ratazanas? Parece que todos estão coniventes com todos esses desmandos que vêm ocorrendo na Saúde, como se tudo não fosse o suficiente para debilitar, ainda mais, a população, dessa vez, foi extrapolado todos os limites do aceitável, quando pensamos que já havíamos visto de tudo, vem esse balde de água fria e joga sobre as cabeças de toda população portadora de Diabetes e o que é pior:

ESTÃO BRINCANDO COM A SAÚDE DAS PESSOAS QUE ESTÃO DEBILITADAS.

A MAFIA MEDICA

mafiamedica

Seria a Máfia Médica?

“A Máfia Médica” é o título do livro lançado em 2010 que custou à doutora Ghislaine Lanctot a sua expulsão do colégio de médicos e a retirada da sua licença para exercer medicina. Trata-se provavelmente da denúncia publicada mais completa, integral, explícita e clara do papel que forma, a nível mundial, o complô formado pelo Sistema Sanitário e pela Indústria Farmacêutica.

O livro expõe, por um lado, a errônea concepção da saúde e da enfermidade, que tem a sociedade ocidental moderna, fomentada por esta máfia médica que monopolizou a saúde pública criando o mais lucrativo dos negócios.

Além de falar sobre a verdadeira natureza das enfermidades, explica como as grandes empresas farmacêuticas controlam não só a investigação, mas também a docência médica, e como se criou um Sistema Sanitário baseado na enfermidade em vez da saúde, que cronifica enfermidades e mantém os cidadãos ignorantes e dependentes dele. Ghislaine Lanctot.

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

LUTO

luto vela

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>