Nota de Esclarecimento da OS Plural.

PLURAL

A ORGANIZAÇÃO PLURAL ENVIA NOTA DE ESCLARECIMENTO À IMPRENSA – BOCA DE RUA.

—– Original Message —–
From: contato@osplural.org
To: contato@osplural.org
Sent: Thursday, October 16, 2014 2:52 PM
Subject: Nota à Imprensa

Boa tarde,

Sobre recentes denúncias publicadas na imprensa, da Câmara dos Vereadores a respeito de práticas irregulares na UPA de Peruíbe, a OS Plural tem a esclarecer que:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A OS Plural deixou de prestar seus serviços de gestão da área médica na UPA em 1º de novembro de 2013, quando houve intervenção por parte da Prefeitura Municipal de Peruíbe. As práticas denunciadas pelos vereadores teriam sido posteriores a essa data e, portanto, sem responsabilidade desta entidade.

Durante toda a vigência de nosso convênio os profissionais médicos eram contratados através de empresas médicas, emitindo nota fiscal, e recebiam de acordo com o horário trabalhado na unidade. Os valores dos plantões de 24 horas eram de R$ 3.200,00 para clínicos e ortopedistas e de R$ 3.500,00 para pediatras. Esses custos foram apresentados em nossa planilha inicial, com a qual participamos do concurso de projetos. Além disso, podemos assegurar que, em nossa gestão, nenhum profissional trabalhou 14 dias seguidos.

Qualquer órgão fiscalizador (Ministério Público, GAECO, Polícia Federal, Conselho Municipal de Saúde, vereadores, etc.) pode e deve confrontar os dados de frequência dos médicos na UPA pelo sistema informatizado 4R. Com o dia e mês de referência, ele fornece a quantidade de fichas de pacientes consultados por médico e os horários da primeira e da última ficha de atendimento. Esses dados também podem ser informados pelo SIAB (Sistema Integrado de Atendimento Básico), que é enviado ao Ministério da Saúde.

Estamos à disposição para quaisquer esclarecimentos durante o período de nossa atuação.

Att,
ORGANIZAÇÃO SOCIAL PLURAL

Rua Frei Gaspar, 1060, 2º andar – São Vicente
Tel.: (13) 3395.4201
www.osplural.org

DOS PLANTÕES MÉDICOS DA UPA – 24/30 HORAS.

Quando houve a denúncia, em uma audiência Pública da Saúde Pública, dando conta de que médicos estariam trabalhando, em regime de Plantão, 24 horas e recebendo como se estivessem trabalhando 30 horas, tendo em vista, havendo a Intervenção da UPA em 1 de Novembro de 2013, onde a Empresa Plural, através da Intervenção teve que deixar de prestar seus serviços para o Município de Peruíbe, o denunciante dessa suposta irregularidade, alegou que estavam pagando aos médicos muito acima da decisão que havia sido estabelecido pelo Conselho Municipal de Saúde.

VEJA, MAIS UMA VEZ, A DENÚNCIA DAS 24 POR 30 HORAS DOS PLANTÕES MÉDICOS.

Nesta audiência Pública houve a informação de maneira oficial.

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

brasil

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>