A Ditadura não acabou, em Peruíbe ela está bem viva ainda.

Esse vídeo retrata bem a época de CHUMBO onde tudo era proibido, falar de uma autoridade ou de algum assessor dele era levado para essas sessões de tortura, isso já faz 47 anos e em Peruíbe está bem viva na memória.

ATO INSTITUCIONAL 22, CÂMARA MUNICIPAL DE PERUÍBE (2013).

Naquela época foi criado o AI5, na atual DITADURA foi criado o AI22 (ATO INSTITUCIONAL DA CÂMARA LEGISLATIVA DE PERUÍBE) Criado pelo então presidente na época 2013/2015 e o atual presidente 2015/2016 .

Num tempo, página infeliz da nossa história, passagem desbotada na memória, das nossas novas gerações.
Dormia a nossa pátria (PERUÍBE) mãe tão distraída , sem perceber que era subtraída em tenebrosas transações

De lá para cá, nada mudou, tudo está igual era em 1964.

São políticos de velhas castas e linhagens, que julgam-se acima de qualquer lei, ou regra de conduta, de ética.

São governantes que distribuem fartamente os frutos de uma arrecadação acharcante, extorsiva,e que achata nossa sociedade, estes… entregam volumes vultuosos para países tidos como “aliados”, tidos como “amigos”,e que não passam de guetos que sobraram de regimes ultrapassados, e de ditaduras disfarçadas de democracia, como a que vivemos neste momento.

São os filhos de uma luta teórica pela liberdade, mas que na verdade ansiavam pela liberdade de comandar, de usurpar, de poder distribuir a riqueza entre eles mesmos, verdadeiros sangue sugas de nossa sociedade, e que por posarem de “pseudo-libertadores”, de amigos do povo, acabaram eleitos,e agora mostram quem realmente são… ditadores, czares, imperadores… dos reis.

E neste ponto, envergonho-me de ser brasileira e peruibense, não pelas côres de nossas bandeiras, mas pela apatia dos que deveriam lutar de verdade para acabar com esta ditadura e permanecem inertes, vendo tudo acontecer sem nada fazer para mudar.

VAMOS PASSAR PERUÍBE A LIMPO, SEM CORTES.

PERUIBE1

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

censura-ataque-aos-blogs-ataque-a-liberdade-de-expressao-1[1]

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>