A UPA de Peruíbe, perdeu a referência, com a mudança da médica, diretora técnica, Dra Morghana.

UPA-DE-PERUIBE

EM TIME QUE ESTÁ GANHANDO NÃO SE MEXE – UM RAIO X DA SAÚDE DA UPA DE PERUÍBE

Tínhamos uma médica de nome MORGHANA , que lutava em favor do paciente, brigava pelo paciente, nunca discutia com paciente, nunca desdenhava ou negligenciava o atendimento ao paciente, para ela todos os pacientes mereciam tratamento humanizado, respeitoso e gentil, é o mínimo que um PROFISSIONAL DA MEDICINA tem que dispensar para o paciente que está debilitado por conta de estar em situação vulnerável e desfavorável a qualquer outro que esteja em boas condições de saúde.

Não é o que temos hoje na UPA DE PERUÍBE com a nova direção, haja vista, essa médica, por excelência, foi sumariamente convidada a passar no RH da prefeitura e pegar suas contas, perdemos a melhor médica que Peruíbe já teve, em toda a história dessa cidade, como diretora técnica de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) complicada como é a nossa UPA, que durante a sua estada na UPA, nunca se ouviu uma reclamação dela, eram só elogios, o face era repleto de elogios, todos, sem exceção que eram atendidos por ela, era uma só voz, dispensa mais elogios a essa excelente profissional que não souberam respeitar, os pacientes perderam uma excelente profissional por incompetência da Administração da Saúde.

EM TIME QUE ESTÁ GANHANDO, NÃO SE MEXE, QUANDO COMEÇA PERDER TROCAM-SE OS TÉCNICOS

São os dirigentes que têm que ser trocados, coordenação da UPA, péssima, diretor da UPA péssimo, chega brigar com paciente nas redes sociais, querendo ter toda razão do mundo.

AS TRAGÉDIAS ANUNCIADAS NA UPA DE PERUÍBE

Dia 06 de Dezembro de 2017, deu entrada na UPA de Peruíbe, um senhor com fratura de Fêmur, há que se deixar bem claro que todas UPAs são os antigos prontos socorros que existiam em um passado não muito distante, para que se tenha uma UPA em alguma cidade é necessário que tenha hospital bem equipado e funcionando de maneira adequada, não é o que acontece em Peruíbe, voltando ao assunto paciente com Fratura de Fêmur, a família ficou numa árdua luta para conseguir remoção do paciente para uma cidade de verdade com hospital que fizesse cirurgia de Fêmur, parente do paciente ingressou na Justiça para conseguir a transferência dele, porém, o Ministério Público está impedido de militar em causas particulares e encaminhou o pedido à OAB DE PERUÍBE, que, segundo ficamos sabendo teria cinco dias para resolver um caso que teria que ser resolvido no ato da internação sabendo que não temos condição de atender paciente no estado debilitado que estava o paciente.

O REFLEXO DA AUSÊNCIA DA DRA MORGHANA, A UPA VIROU O CAOS.

PERNA-DO-PACIENTE

Após uma semana que o paciente estava internado na UPA de Peruíbe, o quadro dele piorando a cada dia que passava, devido a fratura do Fêmur sem atendimento de acordo, a perna do paciente já estava toda comprometida, como mostra a foto enviada pela família ao BOCA DE RUA, que já estava tentando uma vaga em qualquer hospital do planeta contanto que fosse feita a cirurgia, o BOCA DE RUA ligou várias vezes ao Secretário da Saúde, sequer atendeu, devido que o celular do secretário0 da Saúde fica mais desligado do que atendendo, como não surtiu efeito positivo ao ligar para o Secretário da Saúde, o BOCA DE RUA ligou para o prefeito que disse ir ver o que poderia fazer em benefício do paciente, mandei a foto da  perna do paciente para sensibilizar o prefeito e o Secretário da Saúde, que não atendeu as minhas ligações o Secretário da Saúde sequer me retornou, até que enfim conseguiu uma vaga para o paciente para o dia 18/12 no Hospital Regional de Itanhaém, só que eles esqueceram do detalhe mais importante e condição primária, o HOSPITAL REGIONAL DE ITANHAÉM, não faz cirurgia de Fêmur, estando até a data de hoje o paciente internado na UTI em Itanhaém.

HOSPITAL REGIONAL DE ITANHAÉM É DE FACHADA

hospital-regional-itanhaem

De que adianta ter um maravilhoso espaço físico, um hospital de porte bonito como é esse de Itanhaém, senão tem atendimento que a população necessita, são mais de 200 mil habitantes que eles têm que atender, haja vista atendem ITANHAÉM, PERUÍBE, ITARIRI, PEDRO DE TOLEDO, já que vai fazer uma obra gigante dessas então coloca-se tudo o que o paciente necessita.

OS HORRORES DA UPA, NA NOVA DIREÇÃO DA UNIDADE.

PACIENTE 1

Esse caso já foi exaustivamente divulgado, com milhares de comentários negativos referente ao atendimento nessa UNIDADE DE PRONTO ATENDIMENTO (UPA).

É visível a incompetência ou falta de humanidade do novo diretor e da nova coordenadora, da UPA, haja vista, o Secretário vai trocando pessoas capacitadas por amigos deles sem a menor humanização aos pacientes, tem que ter amor a essa profissão, se for exercer a profissão somente por dinheiro fica complicado pois o paciente se torna apenas um número na lista de espera da assassina da CROSS.

PACIENTE-NA-FILA

A VIDA DO SER HUMANO ESTÁ BANALIZADA.

A vida do ser humano está banalizada, se resume em números, esse é o paciente que deu entrada na UPA com fratura de Fêmur e ficou doze dias em um estado lamentável, caso não tivesse sido efetuada a troca da Dra Morghana para esse novo diretor, isso não estaria acontecendo na UPA.

Seria anti ético, uma pessoa que se diz profissional da Saúde permitir que um paciente chegue nesse estágio avançado de desleixo, negligência e desrespeito a vida do ser humano não vale nada, há relatos que a Dra Morghana arrumava vaga na CROSS para vários pacientes que estivessem em estado tal como esse paciente, chegou à UPA por que não ter o mesmo amor que a antiga diretora tinha?

MSG-DO-MEDICOMENSAGEM MAL EDUCADA DO DIRETOR DA UPA PARA A FAMÍLIA DO PACIENTE DA FRATURA DO FÊMUR

OS HORRORES DA UPA NÃO TERMINAM AÍ, PACIENTE CHEGA DIRIGINDO O PRÓPRIO CARRO, CONVERSANDO E SORRINDO E SAI DENTRO DE UM CAIXÃO.

Dia 17/12 um paciente forte, novo de idade, ainda, foi dirigindo até a UPA para fazer apenas uma inalação, pois sentia um desconforto com um pouco de falta de ar, chegou sorrindo e conversando, enviando mensagens para os filhos pelo Whats e saiu num caixão, Negligência, Imperícia, Péssimo atendimento, diretor anti ético, péssimo profissional da Saúde, discute com família de paciente internado sob os cuidados dele, negligenciando o atendimento e ainda quer ter razão, disse claramente que somos hipócritas e que temos que ter gratidão pelos péssimos serviços prestados por ele que ganha uma fortuna para tratar bem aos pacientes, não deixar acontecer tudo o que aconteceu na UPA em um curto espaço de tempo houve três casos horríveis e não foi tomada nenhuma providência por parte dos profissionais da Saúde, claro que há exceções, pois a UPA tem profissional por excelência que respeita o paciente, luta pelo paciente, briga pelo paciente, porém, não é isso que acontece com o diretor e o Secretário da Saúde. UPA DE PERUÍBE PASSOU A SER O VALE DA MORTE.

A FAMÍLIA ESTÁ DESOLADA, SEM CHÃO, O MUNDO DESABOU NA CABEÇA DELES.

MENSAGEM DO PAI

Os filhos não se conformam como pode o pai entrar em uma UPA, andando sozinho, sem necessitar de acompanhante, pois o estado dele era apenas um desconforto respiratório, talvez bastasse apenas uma leve inalação para voltar a respirar, no dia seguinte, dia 18/12 segunda -feira ele mandou essa mensagem pelo whats da filha e no dia 19 ele estava morto, como pode isso? Explica para a família, senhor diretor e Secretário da Saúde, tem que ser uma explicação por demais de convincente para não deixar dúvida que ele foi por que chegou a hora não por falta de atendimento adequado.

Explica aí senhor diretor que temos que ter gratidão pelos péssimos serviços prestados pelo senhor, que viu que o paciente agravou de uma hora para outra, assim , do nada, então era para fazer tal como a Dra Morghana sempre fazia, corria com o paciente dentro da ambulância chegava na porta do hospital se tivesse vaga ela internava se não tivesse vaga ela arrumava através de ameaçar chamar a polícia, não poderiam deixar o paciente chegar no estado que ele chegou, mais uma  Negligência, Imperícia, falta de respeito, falta de trato para lidar com os pacientes, cada vida tem que ser respeitada e ser salva, não importa que custo isso vai ter.

Gostaria de saber se fosse um ente querido seu, liguei várias vezes para o Secretário da Saúde e novamente o celular desligado, sequer ele me retornou, Secretário da Saúde vai aqui um recadinho para você se eu ligo é por que estão me pedindo ajuda, eu não vou ligar para você para ficar de fofoca, se eu ligo é por que as famílias já foram para todas as instâncias, o BOCA DE RUA é a última instância é o fim da linha, se o diretor e o Secretário visse o Estado que os filhos ficaram, meu Deus não desejo para ninguém passar a dor que eles passaram e estão passando, estão inconformados e com toda razão do mundo, o que eles fizerem daqui pra frente será ínfimo diante da dor que estão sentindo, diante do choque anafilático que levaram.  NÃO TEM REMÉDIO QUE CURE A  SAÚDE NAS MÃOS DESSES PSEUDO MÉDICOS.

QUANTAS MORTES AINDA SERÃO NECESSÁRIAS, PARA QUE SE SAIBA QUE JÁ SE MATOU DEMAIS.

Em um curtíssimo espaço de tempo aconteceram todos esses horrores na UPA de Peruíbe, é necessário rever o mais urgente possível, os primeiros socorros estão sendo negligenciados, os primeiros socorros não estão fazendo de maneira adequada, se fizessem isso não aconteceria, antes a equipe de enfermagem trabalhava tranquila, com a Âncora da UPA que era a Dra Morghana, ela sempre brigou pelos pacientes, sempre teve o maior respeito pelos pacientes, nunca pediu para ter gratidão pelos trabalhos dela, pois é o dever de todo médico ou profissional da Saúde exercer de maneira respeitosa e com amor ao paciente, a profissão a qual escolheu prestar serviços de enfermagem ou de médico, não se pode brincar de médico com a vida da pessoa em jogo, é irreversível, todo respeito e consideração à vida da pessoa é pouco, pois e houver um erro, ainda que ínfimo é irreversível.

O diretor e o Secretário da Saúde, bem como a coordenadora da UPA recentemente trocada pelo secretário por ser amiga da família, dilacerou todo uma família de jovens filhos que amavam loucamente ao pai, pois faz dois anos que perderam a mãe ainda estão em tratamento psicológico para suportar a dor da perda, desestruturou toda a família, obrigada, Abude, Obrigada, Dr. Rafael e obrigada Mariany, vocês três tem a maior parcela de culpa pela perda da vida desse senhor novo e com a saúde excelente, por conta de um leve desconforto respiratório, negligencia e imperícia o cidadão veio a óbito, só tentem explicar para a família o que aconteceu com o pai deles.

O TIRIRICA PEDIU EXONERAÇÃO PEÇA TAMBÉM ABUDE, ANTES QUE ACONTEÇAM MAIS PERDAS DE VIDAS.

Não quero acreditar que esteja havendo joguinho político colocando a vida das pessoas em altíssimo risco a ponto de vir a óbito um cidadão saudável, cheio de vida.

Com a vida das pessoas, não se pode brincar, se ocorre a perda quem vai devolver o pai daqueles três jovens? Quem vai devolver a perna daquele senhor que depois de doze dias foi transferido para o hospital errado? É uma sequencia de erros, chega, basta, já, há duas décadas que o povo de Peruíbe vem padecendo com a Saúde negligenciada dessa maneira. SE O TIME ESTÁ PERDENDO TROCAM-SE OS TÉCNICOS é preciso preservar a vida das pessoas.

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

dia do basta

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>