“INCOMPETÊNCIA” – Obras desnecessárias e sem planejamento adequado.

Isso, que é obra completamente desnecessárias. Pra quê construir piscina pública, quando há áreas na cidade que não possuem sequer saneamento básico? Um dos casos mais evidentes de desperdício de dinheiro público, que ainda por cima coloca todas as residências próximas em risco de desabarem! Isso aqui ó :

Pensamos que devemos primeiro resolver os problemas da população que vive em Peruíbe. De que adianta piscina pública numa cidade sem segurança, sem cultura, sem saúde, sem perspectiva para aqueles que estão ingressando no mercado de trabalho, sem transporte coletivo rápido e limpo, com enchentes, com dengue, sem conservação do patrimônio público, sem leitos hospitalares, sem urbanizar muitos bairros onde todos sabem que se trata vulnerabilidade social, etc.?

O GATO DO PODER PÚBLICO

Peruíbe, é uma cidade de veranista e não turística. Não temos pontos turísticos, temos empreiteiras querendo vender ao máximo imóveis para faturar e uma prefeitura que não pensa nas conseqüências de uma super-população e que só está de olho no IPTU e nas obras faraônicas.

O prefeito é aquele que está mais perto do povo, tem que zelar pelas necessidades básicas deste povo. Quando falta segurança, o prefeito (ou prefeita) não pode ficar na janela da prefeitura vendo o povo morrendo pelas mãos dos criminosos, da mesma forma quando a saúde encontra-se do jeito está mais que precária, vidas se perdendo por suposta negligência e dizer que é problema do estado ou da união, tem que chamar para si a responsabilidade e solucionar esse gravíssmo problema.

Deveríam abrir mão dessas obras e investir na saúde no servidor concursado, com salário digno, capacitação, condições de trabalho, aparelhamento para todos. São os humanos que prendem, que tratam o enfermo, que ensina ao estudante, que limpam as ruas. Chega de piscinas públicas, parques de cidade, eco parques, chega de gente sem concurso, chega dessas “OS Organizações Sociais” que tiram nosso dinheiro. O dinheiro é do povo para ser usado para o bem do povo e não jogar no ralo como vem sendo feito.

Vejam a casa desta vizinha da piscina pública como ficou depois desta construção sem planejamento, sem consulta a um engenheiro e como estão agora os imóveis vizinhos desse desrespeito, desse descaso do poder público, veja e tirem suas conclusões se isso era necessário fazer, senão fosse uma administração “muleka”, isso não estaria acontecendo, o poder público não pode brincar deste jeito com as pessoas, com as economias das pessoas, que lutam uma vida toda para ter uma única casa e quando conseguem vem uma administração incompetente e em fração de dias joga por terra todo o sonho de uma vida toda de uma família.

Está pensando que é fácil, um cidadão comum, trabalhador e honesto construi uma humilde casa? Não é não!

A CASA COM ENORMES RACHADURAS

FOTO 01

FOTO 02

FOTO 03

É devido a muitas decisões erradas como esta, por exemplo, que as contas de Peruíbe estão como estão. Quer dizer, erradas do ponto de vista do cidadão comum, pagador de impostos, explorado, enganado, enfim… Pois muitas das decisões erradas para os bolsos do povoléu são certíssimas para, por exemplo, as empresas que fazem as grandes obras públicas, “imprescindíveis para o desenvolvimento”, no entender dos políticos…, TERMAQ, FÊNIX, entre outras, às quais se associam sempre as célebres derrapagens orçamentais, devido a uma série de imprevistos, devidamente justificados, convém conferirmos, fiscalizarmos, ficarmos de olhos bem abertos.

MAIS FOTOS DA CASA, IMPRESSIONANTE COMO O PODER PÚBLICO FAZ VISTAS GROSSAS PARA ESSE PROBLEMA.

Ora, obras desnecessárias e que, como tantas outras, também dá o seu contributo para afundar mais Peruíbe é a recente piscina pública, o Anexo da Câmara de Vereadores, Parque da Cidade e etc.

Esta Piscina Pública foi abastecida com água através de GATO, POIS COMO MOSTRAMOS NAS FOTOS, Ah pessoal não é mentira não, é a mais pura verdade a Equipe do BOCA DE RUA esteve lá no local pois recebeu mais uma denúncia e esteve lá por três vezes.

Não esquecer que para realizar tal obra desnecessária foi necessário sacrificar todos os imóveis existentes nas proximidades da piscina , coisa que para ter sido bem feita devia ter tido em conta uma possível futura infiltração, ou rachaduras no próprio local da piscina. Isto do ponto de vista do povoléu, pagante, explorado, enfim…, pois para quem faz a obra é melhor assim, pois sempre se arrecadam mais uns milhões dos cofres públicos.

Desde que Peruíbe se emancipou, e depois com a entrada da família Bargieri nos anos 2000, a idéia era construir para atrair turistas e as necessidades da população foram sempre colocadas em nenhum plano. Quando chegará a vez do povo que mora e vota em Peruíbe? Os turistas, por exemplo, não votam aqui, mas é como se votassem pois seus interesses sempre estão na frente do eleitor de Peruíbe. Nós precisamos eleger gente que tenha uma só cara, que trabalhe exclusivamente para o interesse do eleitor.

ESSE É O JEITO MULEKE DE GOVERNAR, BRINCAM COM A CARA DO POVO, FAZEM E DESFAZEM DO POVO.

PRA QUE ISSO?

SE TEMOS ISSO, E DE GRAÇA!

POSTADO PELA EQUIPE DO BOCA DE RUA

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

9 respostas a “INCOMPETÊNCIA” – Obras desnecessárias e sem planejamento adequado.

  1. Luciana Martyns disse:

    Aproveitando o ensejo do tema “Obras Desnecessarias”, que fim se deu ao anexo da nossa Casa de Leis?
    Podem me explicar…

    Abrçs,

    • Lú, o BOCA DE RUA agradece a visita, pra você vê, tanto dinheiro jogado na lata do lixo e fica tudo por isso mesmo, parece que a Lei aqui na Estância de Sucupira está longe de ser cumprida, os descumpridores, os burladores das Leis estão longe de serem punidos, vivem dando risada na cara do povo.

      O Anexo 171 está sob investigação da Justiça parece que foi construído em local indevido, tendo que ser nomeado um perito judicial para investigar as possíveis irregularidades que foram apontadas nessa construção faraônica, que parece ter sido “CARTA MARCADA” a Empresa que “ganhou a Licitação” e supostamente o anexo “171″ foi construído em passeio público e sendo assim, se isso se confirmar, este anexo é da prefeitura pois ele está construído no terreno da prefeitura, credo só aqui em Sucupira para acontecer isso e o chefe de gabinete estaria de olho neste local para ampliar a prefeitura e talvez, supostamente ele mudaria para este anexo, mas Lu, tudo, ainda está em fase de investigação, na justiça, vamos aguardar o desenrolar desse embrólio.

      Só queremos ver quem vai devolver o que foi gasto indevidamente, igual foi na ciclovia do jardim Peruíbe que tiveram que voltar atrás, desfazer o que já havia sido feito, quebrado e feito tudo e depois quebrou novamente e fez novamente foram gastos muito dinheiro, nossa nós não queremos nem ver quando isso tudo começar vir à tona, vão ser tantas coisas que sai de baixo.

      Estamos acompanhando este e muitos outros casos que estão pipocando e respingando nas autoridades que pensaram estarem blindadas, nada pegar para o lado deles, ledo engano, pois ainda bem que temos um Delegado que é imparcial, segue a Lei não importa se é pé-de-chinelo ou salto alto ou, até mesmo colarinho branco, errou, será punido na forma da Lei.

      Mas o BOCA DE RUA está aqui para informar o povo dos erros desta administração e certamente irá informar de tudo o que acontecer com este anexo.

  2. Kleber Alexis B. de Abreu disse:

    Boa noite a todos!!

    Esse tema me fez atravessar o Oceano e buscar informações no velho continente, mais precisamente na Pátria colonizadora Portugal, lá Piscina Pública é caso de Saúde e é obvio, no site traz as regras necessárias para que o serviço seja efetivo, funcional e saudável.
    http://www.saudepublica.web.pt/06-saudeambiental/061-Aguas/piscinas.htm

    MOMENTO DE REFLEXÃO

    Temos hoje em Peruíbe planejamento para funcionamento continuo e ininterrupto da Piscina, profissionais adequados e, verba exclusiva destinada para a manutenção pelo menos periódica?

    A nossa saúde local, tem condições de abraçar mais essa responsabilidade, pois, com certeza todo o problema gerado pela Piscina Pública, vai virar caso de saúde ou por pior das hipóteses da Justiça.

    Não adianta servir a população com algo que só vai funcionar no último ano de mandato ou no furor da campanha eleitoral e, posteriormente ser fechado ou abandonado por falta de manutenção.

    A Administração tem conhecimento do dever de zelo, uma falha nessa obrigação estará inaugurado o mais novo criadouro de larvas do mosquito da dengue (Aedes aegypti) .

    Bem, Mongaguá cobriu a sua Piscina, para bom entendedor.

    Fico Feliz que o Executivo inaugure obras, agora só falta a inauguração das obras de Saneamento Básico, Postos de Saúde, Escolas e Prontos Socorros, não esquecendo do aumento do efetivo com funcionários aprovados mediante concurso público, assim o cofre não sangra e a Justiça não intervem.

    Depois o Português é quem leva a fama.

    • Kleber, o BOCA DE RUA agradece a visita, parece que esses requisitos básicos não serão seguidos, haja vista, já ter começado errado, veja pelos imóveis vizinhos que estão todos trincados e a PISCINA, da nossa querida prefeita, está chamando todos os imóveis para dentro dela, rsrsr, podemos perceber pela enorme barriga que se formou no muro que divide a piscina da casa de uma moradora que está revoltada com a falta de preparo do poder público, que não se importou se ia causar ou não transtornos aos vizinhos, sem contar que o poder público ao invés de dar bons exemplos, é mestre em matéria de má conduta, pois ele próprio aderiu ao “GATO” ao pegar água para abastecer a piscina pegou água direto da rua antes do medidor que contabiliza o gasto de água.

      Quem será que autorizou a cometer tamanho desequilíbrio?

      Sem contar que da construção dessa coisa desnecessária até esses dias, ou seja até antes do dia 18/07/2011 ela já era um enorme criadouro de Dengue, pois acumulava água de chuva e a infiltração dela, no fundo, por várias vezes o BOCA foi até o local fotografou e divulgou os desmandos do poder público aí estavam retirando a água acumulada com uma bombinha de sucção.

      Aproveitamos, por oportuno para parabenizá-lo pela brilhante atuação no processo da BIANCA ela já está com a bombinha e tudo o que faz parte da manutenção dela. Queremos acreditar que sim, pois a Bruna nos informou que a bombinha já foi comprada e ela já está usando, e tudo o que a Bianca precisa foi cumprido pelo poder público? Esperamos que sim!

      Temos que alertar todo o povo, todas as pessoas que se sentirem lesadas por qualquer coisa que seja, na saúde, na segurança, ou na educação, procure a Justiça pois não há outro caminho, que seja tão eficaz, quanto a Justiça.

  3. Kleber Alexis B. de Abreu disse:

    Agradeço as palavras e quero dar os parabéns a todos que atuaram direta e indiretamente nessa vitória. Eu agradeço o resultado ao Grande Arquiteto do Universo – DEUS e posteriormente:

    Ao Poder Judiciário, dentre esses os cartorários e serventuários em geral, subindo ao Ministério Público, Magistrados e, sacramentado pelo Desembargador. Todos atuaram nesse início de forma a resguardar o bem maior a vida.

    Ao quarto poder, que atuou de forma brilhante com ética, lisura e respeito.

    Gostaria apenas de ressaltar que hoje partidários perdem a oportunidade de se sagrarem imortais, porque esquecem que deveriam ser políticos.

    Alguns homens passam pela vida e, perdem a oportunidade de se eternizar.

    Espero que sirva de marco divisório para que: Biancas, Anas, Renatas e Marias tenham o seu direito a vida resguardado sem a necessidade de bater à porta do Judiciário.

    • Que bom seria se não houvesse a necessidade do povo ter que ir bater às portas do Judiciário para fazer valer um direito que é legado a todo cidadão.

      Infelizmente a prática destoa da teoria, dizem que os direitos do cidadão são cumpridos, que a saúde de Peruíbe está excelente isso na visão do Secretário da Saúde, ocorre que na prática muitas vidas estão se perdendo, por suposta negligência médica, mau atendimento de alguns profissionais da saúde, enfim… o maior desrespeito com o cidadão e contribuinte.

      Temos, que urgente, virar esse jogo e fazer com que sejam respeitados os direitos do cidadão.

      Kleber, o BOCA DE RUA agradece a visita.

  4. Luciana Martyns disse:

    Tantas duvidas e assim continuamos sem nada saber, sem nada usufruir de realmente importancia para o povo de Peruibe…Assim caminha a humanidade

    • Lú, é isso mesmo, o poder público é negligente, irresponsável e incompetente, pois ele vê o BOCA DE RUA diurtunamente, se não resolve os problemas é por que não quer mesmo, se quisesse o bem da população , já teria resolvido ou pelo menos tentado resolver os problemas que afligem o povo, que é em primeiro lugar a SAÚDE, que está mais que precária, literalmente a Saúde está uma DROGA.

  5. Luiz Antonio disse:

    Que dó me dá dessa cidade, que escolhi para viver meu restinho de tempo!!!
    Centro da cidade com iluminação deficiente, ruas sujas,sem varrição.Fonte da praça desligada criando dengue,árvores sêcas na praça,luminárias sem globos nas proximidades da praça.Vc vai no mercado municipal,tem uma salinha para a vigilançia sanitária,mas sem o profissional.A máquina de fazer gelo que se encontra no mercado municipal de peixes, não esta ativa,pois está proibida de ser usada no local,por causa da amônia que é usada na mesma. O C.I.T., nunca está aberto aos turistas.Os canteiros de flores ao longo da av.Padre Anchieta foi todo pisoteado no dia do desfile(07-09),e o que dizer das mudas de manacás da serra, que na maioria secaram?? Só estavam bonitos no dia da fotografia para o jornal,etc,etc,etc,…..Eu pensava que só nas proximidades de minha casa estava abandonado,bobinho eu!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>